A crise recessiva que vivemos ao longo da última década tem influenciado o desempenho de governos e de empresas importantes. Suspeita-se que esta crise não seja simples nem passageira, mas algo muito mais profundo e duradouro. Inclusive, vemos sinais de mudanças radicais no ambiente político, econômico e social com o qual deveremos conviver daqui para frente sem prazo determinado. Essa tendência inspira a necessidade de ajustes e adaptações ao modelo empresarial então vivenciado, que tem se tornado obsoleto, não conseguindo sobreviver sob estas novas condições.

Saiba mais sobre Adaptações ao Modelo Empresarial – Desafios de uma nova época: renovação, flexibilidade e agilidade